31.10.06

Sobre o post abaixo



Um ano atrás minha vida ficou diferente. Perdi abruptamente um emprego e não tinha mais dinheiro.

Um ano atrás, Aninha, a calopsita, entrou em nossa casa.

Um ano atrás, eu comecei a reaprender a trabalhar. Voltei pra jornal, escrevi tanto e, mesmo resvalando a penúria, reaprendi a seguir em frente.

Daqui a um ano eu quero estar feliz como hoje.
E mais magra, né?

6 comentários:

Palpiteira disse...

Espero que todos os anos da sua vida sejam muito lindos e proveitosos. Vc é uma mulher bonita e inteligente. E deve emagrecer, sim, não por vaidade - vc é bonita como é -, mas para ter uma vida mais saudável. Falo sério quando digo que estou à disposição para traçar com vc um plano para seu emagrecimento. Posso lhe enviar os produtos necessários e fazer acompanhamento via tel, skype, msn, o que for melhor pra vc. Com Herbalife, vc vai emagrecer com saúde, sem perder massa muscular e colágeno, (o que causa aquela desgradável flacidez após sair do spa e a levaria direto a uma mesa de cirurgia plástica) e sem perder massa hepática, o que acaba ocorrendo com as dietas comuns.
Se houver interesse, envie-me um e-mail para conversarmos melhor.
Beijos e sucesso.

Palpiteira disse...

Ai que horror, lendo meu comentário, fico parecendo uma simples vendedora, mas juro que não sou. Meu interesse real é vê-la mais magra e saudável usando os produtos que eu, minha família e amigos tomamos.
Beijos.

Olga disse...

Palpiteira, ficou parecendo que a Herbalife patrocina o blog (rs)!!!!
Mas ainda não sei qual dieta farei. Como já escrevi antes, a compulsão alimentar deverá ser encerrada da mesma forma como foi com o cigarro. De repente, sem alarde, sem grande planejamento. Mas virá.
Beijo, obrigada pelo carinho.

Kristal disse...

Olga, nenhuma gorda é feliz.
Não que todas as magras sejam, mas essas já têm um problemão a menos.
Emagreça para viver sem culpa.
Bj!

Olga disse...

Ah, Kristal, não acho isso, não!
Felicidade não tem a ver com estética, tem a ver com a estrutura emocional de cada um.
Meus momentos de anorexia foram de infelicidade terrível, sempre determinados por perdas. Aliás, ~quase todos os antidepressivos abrem o apetite, porque a depressão causa anorexia.
Concordo que é bom estar em forma, porém não vejo correlação entre obesidade e infelicidade, não.

maria rezende disse...

Nossa, vim aqui deixar um beijo pra Olga, essa mulher incrível que eu admiro e que está arrasando na "seguração de peteca no ar", e fiquei boba com essa campanha "seja magra, seja feliz"! Gente, que coisa antiga! Olga querida, emagreça pelas suas razões, quando quiser e puder, do jeito que achar mais legal. E continue vivendo a vida como dá, sendo feliz quando rola e lidando com as tristezas que aparecem, porque é assim que é sempre, não é?
E aí escreva, escreva muito, pra gente se deliciar com os seus textos!
beijo carinhoso da maria