7.6.07

Para três homens muito amados - Artur, Hugo e Alinôr - e pra um monte de amigos felicíssimos, depois de 23 anos fora da Libertadores...
Meu coração ficou absolutamente dividido. Afinal, o Figueirense era o time de meu querido primo Sílvio, que morreu há alguns meses, e representava minha família também. Mas acho que, no fundo, Papai torceria pelo Fluminense.
A partida? Tão ruim que eu preferi assistir ao Rock Gol!

Um comentário:

Sonia disse...

NENSE ÊÊÊÊ...