18.7.07


"Scoop" é a última deliciosa comedinha de Woody Allen, da estirpe de "Misterioso Assassinato em Manhattan" e "Trapaceiros".
Mestre na direção de atores, ele faz da onipresente Scarlett Johansson uma convincente americana do interior, deslumbrada com o aristocrata Hugh Jackman. Só é incompreensível é como um homem daqueles vai dar atenção a uma figurinha abobalhada como a da guria.
Woody Allen volta a encarnar o velhote atrapalhado, enquanto Hugh Jackman está maravilhosamente elegante e charmoso como o lord suspeito de crimes pavorosos, de acordo com as dicas do fantasma Ian McShane, um repórter que não sossega nem depois de morto.
E, para a felicidade das moças, como sempre, temos Hugh Jackman sem camisa. Deve ser cláusula contratual dele, como é do Kevin Kline aparecer dançando e a Meryl Streep chorar.

5 comentários:

Jôka P. disse...

Olga, ADORO Mr.Allen ! Esse filme está em DVD ou no cinema ?
Ontem coincidentemente re-assisti (depois de 20 anos) "Another Woman" - A Outra (?!)de 1988, com a Gena Howlands ma-ra-vi-lho-sa, fazendo a escritora cinquentona que aluga um apê pra escrever um romance, e ouve por um sistema de aeração as seções de análise de uma Mia Farrou grávida e depressiva, no apartamento vizinho.
Tem a Sandy Dennis (estava GORDA !!!) e o Gene Hakman, todo o elenco vestido de sépia e marronzinhos neutros.
E uns sonhos freudianos daqueles bem anos 80... rá rá rá !!!
Era uma época em que Mr. Aleen queria ser Igmar Bergman, lembra ?

Quando vamos nos ver ?
Bj!

Jôka P. disse...

Seções ou sessões?
HELP !!!
;)

Olga disse...

Eu também adoro o Woody Allen e a Gena Rowlands, que considero uma das mulheres mais bonitas que o cinema tem. Até hoje, velha e linda. Além de maravilhosa intérprete. Engraçado, eu tinha a impressão de que a mulher da sessão de análise era outra, não a Mia Farrow. Aliás, ele repete essa história de ouvir a terapia de outro no "Todos dizem eu te amo". A que falava tudo era a Julia Roberts.
Menino, este encontro está encantado, hein? Vamos nos telefonar e marcar pra next week definitivamente?
beijo
Sessões de cinema e terapia.
Seção de loja, de repartição.
Eta, linguinha difícil.

Jôka P. disse...

Ah, obrigado pela aulinha de português !
A moça era a Mia farrow sim, meio apagadinha nesse filme.
Também, do lado de bacanérrima Gena Howlands, não há estrela que brilhe, né !
A gente se fala.
:)

Olga disse...

Lingüinha, com trema ainda valendo e por mim esquecido, professora de português de quinta que sou...