11.11.09

No escurinho




Na província de Botafogo, mais especificamente em metade do meu quarteirão, cai a luz com alguma freqüência. Então, quando ontem, por volta de 18h30m, acabou a eletricidade, nem pestanejei. Fui pro cinema.
Acabou a sessão de Fados, voltei pra casa de táxi, para pegar outro casaco e trocar de sapato, já que a energia não voltara mesmo em meu combalido lar. Retornei ao cinema, Che entrou na Bolívia para tentar fazer guerrilha e ... fim de iluminação na cidade toda.
Outro táxi, mais notícias da escuridão, em casa, comemorando os 21 anos de meu primogênito, que me dava notícias das trevas lá do Planalto Central.
Claro que a luz só voltou às 7h30m em meus domínios.
Hoje, compro um lampião.

Um comentário:

Halem Souza disse...

E agora, todos teremos que comprar lamparinas?
Parabéns para o seu filho!
Um abraço.