13.8.10

Guiomar



Mamãe com as irmãs Leda, Zélia, Consuelo e a mãe, Olga, provavelmente em 1930.

Aos 26 anos
Com Papai e um amigo, solteiros, na década de 50.

Depois do casamento, aos 33 anos, no Mosteiro de São Bento, ao lado de Tia Leda, meus primos Helinho e Heloísa, Papai, e os amigos-quase-irmãos, meus tios Myriam e Edson
Em outubro de 1960, aos 35 anos


No meu aniversário de 3 anos (ela com 38, Papai com 35)

Nos meus 39 anos, com Maria Célia, Jacques e Marcelo

Num Natal, com Oto e Hugo, os dois netos "do meio"




Com o primogênito Artur e a caçulinha Júlia


Comemorando 75, comigo e com Tia Zélia (que completa 89 daqui a cinco dias)



O último reveillon comemorado, na virada para 2000, a caminho de Copacabana.

Como seria Guiomar hoje, quando completaria 85 anos????

5 comentários:

Solange Noronha (Sol) disse...

Bela homenagem, Mel. E um lindo álbum de família também. Acho importante preservar esses pedaços das nossas vidas, os momentos, as lembranças de quem somos.
E você não fica nada a dever á Guiomar, viu? :-)
Beijo,
Sol.

Anônimo disse...

Elas fazem muita falta...vc me fez começar o fds chorando!Isso não vale...

Olga disse...

Queria tanto saber quem é este anônimo...

Ivan disse...

Dela só recebi carinhos e inómeros papos etilico/Político/Literários.
Foi a minha primeira amiga.
Sinto a imensa falta da sua ausência.
Envelhecer é, também, acumular perdas

AOS QUARENTA A MIL disse...

Ah deveria estar bem lindona.

Bjs querida!