3.3.06

Mrs Henderson Presents


Delicious! Judi Dench sem rabugice.
Adoro a dignidade das velhas atrizes inglesas, que não escondem rugas, desprezando solenemente a ditadura da indústria da beleza artificial.
Também admiro as mulheres que lutam corajosamente contra o passar dos anos, recusando-se a aceitar a força da natureza até os limites que a dignidade permite.
Triste é quando se sucumbe à insanidade da luta, porque nossos corpos, indubitavelmente, terão de sucumbir ao tempo.
Dame Judi brilha no meio das jovens belas que se despem em espetáculos de gosto pra lá de duvidoso durante a 2a Guerra Mundial, parecendo divertir-se tanto quanto a personagem e botando no chinelo até o Bob Hoskins. Se ela vai ganhar o Oscar desta vez? Duvido. Quinta indicação, certamente a melhor entre as demais concorrentes, mas ... não é americana, nem linda.
Mrs Henderson faz esquecer a peste que ela interpretou em "Orgulho e Preconceito" recentemente.
Num de meus melhores anos pré-Oscar, não vi ainda "Brokeback Mountain", "Johnny and June", "Crash", "Syriana".
Mas assisti a "Paradise, Now" - se ganhar o Oscar, prova que a Academia pirou. O filme é interessante. Só isso. Faz a gente pensar depois que acaba, qualidade que falta a muita coisa atual. "Capote", que eu estava preparada para não gostar, me agradou muito. Talvez porque eu ame "A Sangue Frio", talvez porque eu ame Phillip Seymour Hoffman, talvez porque seja fascinante o artifício da aproximação do personagem com seus entrevistados na busca da informação, sem o menor escrúpulo ou laivo de decência. Fiquei envolvida, sim.
Resta torcer para que "Crash" fature alguma coisinha ou sairá de cartaz definitivamente esta semana. DVD não é exatamente o veículo ideal para alguns filmes.

2 comentários:

Marilia Mota disse...

Tb adoro essa atriz. Pena que ela não ganhou. Os americanos estao apaixonados por aquela Reese.
Das indicadas o único nome tipicamente americano, segundo um comentário que vi na tevê, meio com piada, num sitcom.

Olga disse...

Que gente de nome esquisito, essas atrizes deste ano, não? Kiera, Reese, Charlize...
Mas não foi a maior interpretação da Judi Dench. Ela estava fantástica em "Iris". Em "Mrs Henderson" parecia que ela tirava de letra, sabe? Veja o filme. Vale, é bastante interessante.