9.2.08

I wanna rock 'n roll all night



Parece que Martin Scorcese voltou a fazer mágica com "Shine a Light", seu novo documentário sobre os Rolling Stones, que envelhecem como a banda mais mal vestida e desalinhada do planeta, porém, inegavelmente, a mais bem disposta.
Os Stones jamais serão aqueles velhinhos "gracinhas", até porque as caras de maracujá de gaveta espelham bem o que os excessos - e haja excesso nisso - podem causar ao organismo. Eles sempre terão a fisionomia aniquilada de quem se acabou na farra - aliás, algo bastante comum aos artistas britânicos, que se não carregam nas drogas são uns pés-de-cana de respeito, como os falecidos Oliver Reed (que morreu bonitinho porque era gorducho), o Richard Harris (que desde jovem parecia mais velho do que o Dumbledore) e Richard Burton, ou o fantástico Peter O'Toole, que foi belíssimo e está um gravetinho magriço).
Sob a batuta de Scorcese, os desalinhados e barulhentos velhuscos provam que o rock combina com a Terceira Idade.

4 comentários:

Davi Arloy disse...

Ah, eu nao gosto de mate.Mas nao troco uma tarde em ipanema por nada!
Mto bom seu blog.

Beijao

www.calcajeansehavaianas.blogspot.com

Jôka P. disse...

Acho essa roupa do Mick Jagger na foto super legal, bacanérrima !
Tirando o cara de terno jaquetão, os outros estão maneiríssimos.

Jôka P. disse...

Seu telefonema foi a melhor parte de meu dia.
Valeu, Olga !
;)

Olga disse...

Ai, Jôka, eles estão um pavor. De tão desengonçados, deixaram o Scorcese chiquérrimo. Lógico que sobra charme neles, mas... cruzes, que bando de milionários mais mal ajambrado...
beijo, que bom ter falado com vc!